Tecnologia como instrumento de efetividade do direito à prestação jurisdicional

Autores

Palavras-chave:

Direito, Tecnologia, Inteligência artificial, Direitos fundamentais

Resumo

A evolução e o desenvolvimento tecnológicos já se encontram praticamente em todas as áreas da atividade humana. O direito, uma das atividades mais tradicionais e conservadoras, também vem sofrendo influências da tecnologia. Muitas ferramentas e programas de software estão inovando na prática da atividade jurídica em todos os seus aspectos, bem como provocando impactos na própria forma de aplicar o direito, como a utilização da inteligência artificial e outras ferramentas de análises preditivas com possibilidade de concatenar informações pretéritas e mensurar tendências. Assim, passando por uma análise da Constituição Federal brasileira, buscaremos discutir os impactos das novas tecnologias na prática jurídica.

Biografia do Autor

José Roberto Anselmo, Centro Universitário de Bauru – Instituição Toledo de Ensino

Pós Doutor em Democracia e Direitos Humanos pelo Ius Gentium Conimbrigae de Coimbra (2020); Doutor em Direito Constitucional pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo - PUC SP (2006) e mestre em Direito Constitucional pela Instituição Toledo de Ensino de Bauru (2001) ITE BAURU. Atualmente é professor do Centro Universitário de Bauru da Instituição Toledo de Ensino nos cursos de Direito (Direito Constitucional), Administração (Direito Tributário), Contabilidade (Direito Tributário), Comércio Exterior (Política do Comércio Exterior) e Economia (Direito Tributário) e do Programa de Pós- Graduação Stricto Sensu em Direito - Mestrado e Doutorado. Professor do Curso de Mestrado Minterisntitucional ITE - CIESA (Manaus). É Procurador do Município de Bauru e Advogado.

Vivian Cristina Garcia de Freitas

Possui graduação em Direito - Instituição Toledo de Ensino (2008). Atualmente é Gestora e Consultora Sênior de Equipe Estratégica do escritório Mandaliti Sociedade de Advogados. Possui experiência na tutela e condução de demandas de alta complexidade, bem como na elaboração de pareceres em geral, consultas legais, redação e revisão de contratos e apólices, estruturação e elaboração de acordos operacionais, tal qual, apoio no gerenciamento de riscos legais, reuniões, despachos, audiências e sustentações orais perante Tribunais Superiores. É Gestora de equipe especializada na tutela de processos estratégicos, causas milionárias e/ou com repercussão política ao cliente. Atuação na área de Direito, com ênfase em Direito Civil, Empresarial, Recuperação Judicial e Falências, Direito Regulatório, Securitário, Consumerista e Previdenciário.

Downloads

Publicado

2019-10-01

Como Citar

ANSELMO, J. R.; CRISTINA GARCIA DE FREITAS, V. Tecnologia como instrumento de efetividade do direito à prestação jurisdicional. Revista da Faculdade de Direito do Sul de Minas, [S. l.], v. 35, n. Edição Especial, 2019. Disponível em: https://revista.fdsm.edu.br/index.php/revistafdsm/article/view/26. Acesso em: 14 abr. 2024.