O PREÇO DA DOR: ISACIO AQUINO, FÁBIO JOSÉ E A REFORMA TRABALHISTA BRASILEIRA

Autores

  • Manoel Carlos Toledo Filho PUC-CAMP

Resumo

Ensaio na íntegra em pdf

Biografia do Autor

Manoel Carlos Toledo Filho, PUC-CAMP

Possui graduação em Direito pela Universidade de São Paulo (1987), além de mestrado (1994) e doutorado (2005) em Direito por esta mesma Universidade, tendo como área de concentração o direito do trabalho. É magistrado trabalhista na 15ª Região, desde 1990, exercendo atualmente o cargo de desembargador do TRT de Campinas. Foi agraciado, pelo Tribunal Superior do Trabalho, com a Ordem do Mérito Judiciário do Trabalho, nos graus de Oficial (2008) e Comendador (2013). É professor em cursos de pós-graduação em direito material e processual do trabalho. Possui como principal área de pesquisa o direito do trabalho e processual do trabalho comparado, especialmente no âmbito sul-americano, tendo participado, como expositor convidado ou voluntário, em diversos eventos internacionais, nacionais e regionais, na Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Espanha, Paraguai, Peru e Uruguai. É membro, desde fevereiro de 2008, da Asociación Argentina de Derecho del Trabajo y de la Seguridad Social (AADTSS), sendo o primeiro brasileiro ali admitido. Em 11 de dezembro de 2008, tornou-se o primeiro professor estrangeiro a ser admitido como integrante da Asociación Uruguaya de Derecho del Trabajo y de la Seguridad Social (AUDTSS). Em 12 de setembro de 2009 foi declarado membro honorário da Asociación de Abogados Laboralistas del Paraguay (AAL). Foi Vice-Diretor (2015/2016) e Diretor (2017/2018) da Escola Judicial do TRT-15. 

Downloads

Publicado

2017-08-01

Como Citar

CARLOS TOLEDO FILHO, M. O PREÇO DA DOR: ISACIO AQUINO, FÁBIO JOSÉ E A REFORMA TRABALHISTA BRASILEIRA. Revista da Faculdade de Direito do Sul de Minas, [S. l.], v. 33, n. 2, 2017. Disponível em: https://revista.fdsm.edu.br/index.php/revistafdsm/article/view/139. Acesso em: 22 jun. 2024.